O que é CGI? - ContaPraEu?
Tecnologia

O que é CGI?

Você sabe o que é CGI? Consiste em uma sigla em inglês para o termo Computer Graphic Imagery, que na verdade são imagens geradas por computador, a famosa computação gráfica. O termo refere-se a todas as imagens geradas através de computadores feitas em três dimensões, sendo possível graças apenas à computação.

A primeira máquina com funcionalidades gráficas, surgiu em 1950 no MIT (Instituto de Tecnologia de Massachussets), denominada Whirlwind I, porém era utilizada para fins acadêmicos e militares, somente na década seguinte, tornaria-se popular.

A sigla CGI surgiu com William Fetter, diretor de arte em computação gráfica que trabalhava para a Boeing na década de 60, para representar a área da informática que trata da geração de imagens em computadores.

No final da década de 60, a CGI tornaria-se de grande relevância e importante para os mais diversos setores, com a chegada da tecnologia CAD, as ferramentas CAD são utilizadas na engenharia civil e naval, arquitetura, design e assim por diante.

A chegada da computação gráfica aos cinemas

Hoje a computação gráfica é de extrema importância para os cinemas, Hollywood não conseguiria mais viver sem seus efeitos especiais que usam e abusam da computação gráfica. Em 1977, chega aos cinemas o filme que tornou-se referência ao utilizar-se a computação gráfica como recurso, estamos falando de “Star Wars – Uma Nova Esperança” que iniciou uma franquia, não somente de grande sucesso, mas que utilizou de tecnologias extremamente avançadas para a época.

Para ter-se uma idéia da dificuldade em utilizar a computação gráfica na época, a cena de 40 segundos do primeiro filme de Star Wars, onde o líder da frota exibe a planta da Estrela da Morte, levou inúmeras semanas para ficar pronta.

A Lucas Arts havia iniciado algo muito maior do que tinha pensado, em 1982 a Disney surpreende a todos, trazendo um filme que usava a CGI em larga escala. TRON trazia o hacker Kevin Flynn, lutando em um mundo totalmente digital. Para essa inovação a Disney produziu elementos em computação gráfica e utilizou de métodos de animação em 2D, uma inovação para a época, mas ainda o desenvolvimento inicial da CGI que conhecemos hoje.

A vez de Steven Spielberg

Spielberg não queria ficar de fora e também foi responsável pela evolução da computação gráfica em Hollywood, com seu filme “O Enigma da Piramide” de 1985, Spielberg não só conta a primeira história de Sherlock Holmes, ainda no colégio, como é responsável pela primeira animação totalmente computadorizada.

Durante uma cena de um minuto, podemos ver o cavaleiro de vitral, atacando o padre, toda a movimentação e animação da estranha figura, fora criada com o uso de computação gráfica.

Estava iniciado a utilização da computação gráfica nos cinemas, a partir desse momento, mais nenhum filme abriria mão de enriquecer a visão do espectador com belos efeitos visuais computadorizados, logo chegariam aos cinemas obras que causariam cada vez mais uma evolução na tecnologia, tais como Exterminador do Futuro e Jurassic Park (Olha o Spielberg, mais uma vez aqui).

O inicio de algo

No entanto, foi em 1995 que o mundo era apresentado a primeira animação feita unicamente pela computação gráfica, a Pixar trazia todo seu conhecimento na área, com a ajuda do poderio financeiro da Disney e apresentava a toda uma geração, a história de Woody, Buzz e o restante da turma de brinquedos, no primeiro longa de CGI.

Se um dia a computação gráfica custou largas semanas de produção e um grande investimento, por parte da Lucas Arts e posteriormente da Disney, hoje o recurso é extremamente acessível, por este motivo é utilizado constantemente em filmes, comerciais, seriados, publicidades, desenhos e assim por diante.

No topo desse tópico você encontra um interessante documentário sobre a história de personagens criados graças a computação gráfica, o vídeo possui pouco mais de 19 minutos e mesmo que você não entenda inglês, vale a pena acompanhar os bastidores que são mostrados no documentário.