A verdadeira história de Cinderela - ContaPraEu?
Curiosidades

A verdadeira história de Cinderela

Ao longo das décadas a Disney foi responsável por nos entregar maravilhosos contos de fadas, contos esses que foram eternizados entre as gerações com as belas animações dos estúdios Disney. Mas algo que talvez não saiba é que as histórias que foram usadas como base, normalmente não eram tão belas ou simplesmente continuam elementos um tanto quanto tenebrosos.

O Pai sabia…

Na versão original de Cinderela, o pai da menina continua vivo, ao contrário da versão Disney, onde a filha é órfã de pai e mãe, vivendo com a madrasta que usa da fortuna que fora deixada pelo pai de Cinderela.

Nada de fada pelos Grimm

Ao contrário da agradável e divertida fada encontrada no desenho e também no filme que a Disney recentemente trouxe aos cinemas, a história original não conta com uma fada e sim com uma oliveira que nasceu sobre o túmulo da mãe de Cinderela, regada pelas lágrimas da menina.

Cadê Jaq, Tata e Bruno?

No conto original não existiam os simpáticos ratinhos e sim um casal de pombas, sendo elas responsáveis junto com o pé de Oliveira, pela realização do desejo de Cinderela.

Um fim violento para as irmãs e madrasta de Cinderela

Mas talvez a parte mais tenebrosa da história original, seja na parte do sapato. No conto, Cinderela realmente perde o sapato e o príncipe usa o sapato deixado para trás, para encontrar sua amada.

O problema é que enquanto na versão da Disney, uma das irmãs força o sapato em seu pé que é maior, a ponto dele escapar e sair voando, no conto original a irmã opta por mutilar-se. Para conseguir calçar o sapatinho, a irmã de Cinderela corta os dedos dos pés e parte do calcanhar, conseguindo enganar o príncipe.

A farsa é revelada pelo casal de pombos, que fala com o príncipe e avisa que ele está sendo enganado, recomendando que o sapato seja verificado, ao olhar, o príncipe o vê sujo de sangue e a mutilação que a irmã de Cinderela, fez em si mesmo.

Se falássemos do conto Disney, a história já teria terminado com a descoberta da verdadeira amada e voltaríamos a ver os dois, apenas em uma segunda animação, contando a adequação da gata borralheira na corte. Porém, o conto original segue com mais detalhes e chega a apresentar ao leitor uma festa de casamento, onde a madrasta e as irmãs de Cinderela vão e são atacadas por pássaros, terminando cegas.

Para conhecer por completo a versão original de Cinderela pela pena e tinta dos irmãos Grimm você pode conferir o livro Cinderela – Coleção Contos de Grimm, traduzido para português por Maria Heloisa Penteado.