Onde surgiram os apelidos? - ContaPraEu?
Curiosidades

Onde surgiram os apelidos?

Você e seus amigos chamam uns aos outros apenas pelos apelidos que ganharam por alguma situação ou costume, já estão mais acostumados a atenderem por mamão, pokémon, xuxu ou seja qual forem seus criativos apelidos que nem mais habituam-se a chamar os íntimos pelo nome. Mas afinal de contas, de onde surgiu a idéia do apelido?

Essa pergunta é bem difícil de responder com exatidão, pois ninguém sabe ao certo como formou-se esse costume entre diferentes povos, mas a provável origem é no início da sociedade, quando o número de habitantes era pequeno o suficiente para que tivessem apenas o primeiro nome.

Como não existia a tradição de registrar com nome e sobrenome, as pessoas ganhavam um apelido conforme uma atividade que praticava ou de sua origem. Dessa forma, era comum algo como Alfredo Pinheiro, por ser lenhador, ou Mario Raposo por ser caçador. Quando a pessoa havia nascido em outro lugar, tínhamos algo como Lurdes Coimbra, referindo-se a cidade Coimbra em Portugal.

É interessante notar, que mesmo em Roma, Grécia e demais povos antigos, a prática de utilizar um apelido para distinguir as pessoas era regular, tais como Roxana de Báctria, Parisátide da Pérsia, Olímpia do Epiro e assim por diante.

Características físicas e personalidade acabaram sendo muito usadas para identificar figuras ao longo da história, surgindo nomes como Alexandre, O Grande ou Alexandre Magno, relacionado com as suas conquistas na Macedônia ou rei Pepino, o Breve, relacionado a sua estatura.

O surgimento do sobrenome

O sobrenome surgiu como uma necessidade, conforme a população se expandia apenas um nome, não era plausível. Dessa forma, muitos dos apelidos acabavam sendo herdados para identificar os membros de uma família, claro que não é possível colocar essa informação como uma afirmativa, pois cada sobrenome tem uma origem distinta e somente fazendo uma profunda pesquisa, fará com que você saiba ao certo de onde veio seu sobrenome.

Porém é interessante apontar, que em países como Portugal e Espanha, o termo apelido refere-se ao vosso sobrenome, mais uma vez dando indícios de que as explicações são plausíveis.

Agora que você sabe disso, ao preencher um formulário em que estiver “Nome – Apelido” já sabes que estão pedindo vosso sobrenome.

Tendo certeza ou não de onde surgiu o costume dos apelidos, é sempre bom tomarmos cuidado com tal prática, certas referências nem sempre são benéficas, muitas vezes utilizam-se de termos pejorativos ou ressaltam caracteristicas indevidas que apenas espalham o preconceito e ódio, portanto, antes de colocar um apelido em alguém, pense se você gostaria de ser chamado por ele e veja se a pessoa concorda com tal intimidade.